segunda-feira, 21 de agosto de 2017

No Casulo é assim!

Materiais simples, do dia a dia, uma proposta silenciosa explicitada 
pelo material fornecido e a preparação do ambiente... pronto! 
Está feito um momento educativo, divertido, muitas aprendizagens.

Ser humano

#doesangue

Espetáculo “Narrativas em dois corpos”


Dia 24 de agosto no SESC Joinville

Após quarenta anos de trabalho, Sandra Meyer (Florianópolis, SC - 1957) e Diana Gilardenghi (Lincon, Buenos Aires - 1957) se encontram para inventar e se reinventar na dança, para descobrirem o que ainda resiste e re-existe ao permitir que seus modos de criar se alterem nas relações de uma com a outra e com contextos que envolvem o local em que viveram/vivem. Nessa ação se entrelaçam trajetória pessoal, contexto social e história da dança em composições que emergem de cada encontro entre as artistas. Gesto e fala transitam de um corpo a outro, traçam temporalidades e deixam a ver vestígios de experiências passadas que irrompem o presente. Classificação: 12 anos.

Após a apresentação haverá bate-papo com o grupo, sobre os modos de composição e coreografia a partir de elementos da história pessoal e história da dança brasileira e argentina; Composição "com" a cidade; e contextos de produção e formação em dança em Santa Catarina.
"Quanto maior é a arrogância, menor é o bom senso."

domingo, 20 de agosto de 2017

Palestra gratuita com lançamento de livro

Cinema “Mal-amados” O filme


O filme “Mal-amados” é baseado num espetáculo da Cia. Rústico Teatral de Joinville, e conta a história dos bastidores da última apresentação de uma peça teatral que aborda as relações amorosas no universo brega que acontece num programa de rádio gravado dentro de um bar. Durante a trama, quatro atores acabam descobrindo segredos uns dos outros. Esses conflitos no elenco fazem com que cada ator provoque o outro improvisando situações inusitadas durante a apresentação teatral.

Suco de uva

Em setembro... 18º Festival de Dança Sacra

Reflexão

Pequeno conto, tido como verídico por muitos, (embora não seja), narra o diálogo entre
um navio da Marinha Norte Americana e as autoridades costeiras do Canadá, 
em uma noite próximo ao litoral de Newfoundland.
Os americanos começaram suaves: 
“Favor alterar seu curso 15 graus para norte para evitar colisão com nossa embarcação.” 
Os canadenses responderam prontamente: 
“Recomendo mudar o seu curso 15 graus para sul.” 
O capitão americano irritou-se: 
“Aqui é o capitão de um navio da Marinha Americana. Repito, mude o seu curso.” 
Mas o canadense insistiu: “Não. Mude o seu curso atual.” 
A situação foi se agravando. 
O capitão americano berrou ao microfone: 
“Este é o porta-aviões USS Lincoln, o segundo maior navio da frota americana no Atlântico. 
Estamos acompanhados de três destroyers, três fragatas e numerosos navios de suporte. 
Eu exijo que vocês mudem seu curso 15 graus para norte, ou então 
tomaremos contramedidas para garantir a segurança do navio.” 
E o canadense respondeu: “Calma. Aqui é apenas um farol, câmbio!”

sábado, 19 de agosto de 2017

No Casulo é assim!

Assim como a exterogestação é hoje a teoria que melhor considera e acolhe as necessidades do bebê em seus primeiros meses de vida. O colo, o carregar, a pele na pele, o olho no olho são contatos fundamentais para o desenvolvimento de laços afetivos e de confiança, desenvolvimento psicossocial e emocional da criança.

No Casulo, o carinho e as relações afetivas são tão intensas que transborda das crianças às bonecas... 
Abraçando, ninando, preocupando-se com suas "necessidades" e slingando (carregando no pano)!

Amanhã... Paróquia da Paz

Culto Comemorativo aos 125 anos do Coral da Paz
Neste domingo, dia 20 de agosto, às 09h30min 
Das 11h às 14h, almoço de confraternização, no Salão Paroquial.

Projota em setembro...

Leia Mulheres Joinville: segunda edição discute “A arte de pedir”, da Amanda Palmer

No dia 26 de agosto, acontecerá o segundo encontro do clube de leitura Leia Mulheres em Joinville, no SESC, a partir das 15h. O livro proposto para debate é “A arte de pedir”, da cantora, compositora, ícone indie e feminista Amanda Palmer. A mediação ficará por conta das jornalistas Karoline Lopes, Marcela Güther e Naiara Larsen. A entrada é gratuita.
Amanda Palmer é um retrato perfeito da boa conexão entre o artista e seu público. Após desligar-se de sua gravadora, recorreu ao então recém-lançado Kickstarter, site de financiamento coletivo, para conclamar os fãs a colaborar financeiramente para a produção do próximo álbum de sua banda. O projeto arrecadou mais de 1 milhão de dólares, recorde que chamou atenção tanto da imprensa como da indústria fonográfica. Desse episódio, surgiu o convite para uma celebrada palestra nos TED Talks. O tema - saber pedir. Desdobramento inevitável da palestra homônima, o livro “A arte de pedir” trata essencialmente de recorrer ao outro, sem temor, sem vergonha e sem reservas. O livro é uma provocação bem-vinda e urgente, que incita o leitor a superar seus medos e admitir o valor de precisar e doar ajuda, sempre.
#LeiaMulheres é um clube de leitura brasileiro inspirado no #readwomen2014, projeto-manifesto criado pela escritora e ilustradora britânica Joanna Walsh. A ideia por trás da hashtag tem a ver com uma luta cada vez mais compartilhada de empoderar mulheres escritoras que sobrevivem a um mercado editorial com preponderância de vozes masculinas. Pioneiras no Brasil, a consultora de marketing Juliana Gomes, a jornalista Juliana Leuenroth e a transcritora Michelle Henriques iniciaram o clube de leitura em São Paulo,em 2015. Depois disso mais 50 cidades já fazem parte do projeto.
Em entrevista à Revista Língua, a precursora do movimento, Joanna Walsh, afirma que "escritoras são, a maior parte do tempo, julgadas pela sua aparência, em vez de serem julgadas pela qualidade de sua escrita. Aos escritores, em entrevistas, é perguntado o que pensam, enquanto às mulheres é perguntado o que sentem". Claire Messud, falando sobre seu livro, "The Woman Upstairs", diz haver percebido que, pelos julgamentos feitos à sua obra, "é totalmente inaceitável para uma mulher ter raiva", avaliando positivamente a repercussão tida pela sua hashtag, que foi copiada em diversos idiomas, aumentando a visibilidade das mulheres no mercado editorial.
O #LeiaMulheres faz parte de uma série de ações para inclusão da presença da mulher no mercado editorial como autoras, mediadores, editoras que façam parte da cadeia do livro como um todo.
www.leiamulheres.com.br - contato@leiamulheres.com.br

Pensando...

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Amanhã... Feira do Floresta com apresentação da Joinville Jazz Big Band

FEIRA TRANSFERIDA PARA DIA 26 DE AGOSTO!

Filhos

Aproveite o amor de pertinho...
Um dia, assim, do nada, ele vai parar de chamar pra dar o beijo e fechar a janela antes de dormir. 
Um dia assim... Do nada. 
Ele vai trancar a porta do banheiro pra tomar banho, vai estudar sozinho pra prova, vai receber a ligação de um amigo. 
Vai ligar o microondas e esquentar o próprio leite de manhã. 
Um dia, ele vai fazer um bolo pra você e a própria panqueca. 
E vai compreender, sem chorar ou reclamar, que não precisa de outra mochila pra começar o ano escolar. 
Ele vai parar de deixar todos os brinquedos espalhados pela casa... Porque não vai mais brincar tanto. 
Um dia, sem avisar, ele vai crescer. E você vai se orgulhar de quem ele é agora. Da semente que plantou. Vai olhar e ver que tudo que fez compensou, valeu a pena.

Mas até lá, aproveite o cansaço de ninar o seu bebê todos os dias, aproveite a falta de espaço na cama com seu filho no meio, aproveite enquanto cabe todo mundo na cama. 
A falta de tempo e energia pra namorar. 
Aproveite a desobediência, aproveite o barulho, o cheiro, o andar tropeçando em brinquedos. 
Aproveite o trabalho, a preocupação, a tarefinha da escola, o bilhetinho de dia das mães. 
Aproveite o amor de pertinho, enquanto eles são crianças... 
Um dia você vai lembrar que ele não te chamou pra dar o beijo na hora de dormir e vai lembrar que ele só gostava de dormir no colinho, ou na sua cama... 
Seu coração vai apertar e você vai chorar... 
Eu chorei... Mesmo adorando tudo que ele é agora, amando tudo que ele faz e a relação que temos hoje. 
Mas ele não cabe mais no colo, só no coração mesmo...
Paula Jacome

Exposições no Instituto Internacional Juarez Machado

Duas novas exposições serão abertas no IIJM: “Algoritmos” do artista blumenauense Guido Heuer 
e a série intitulada “Gong “ da pintora argentinaPatricia Di Loreto, com a curadoria de Edson Busch Machado. 



Um dos nomes mais representativos da arte catarinense da atualidade, Guido Heuer apresenta 20 peças em metal gravado, com o tema exclusivamente voltado à tecnologia e seus códigos utilizados em computadores e no cotidiano das decisões humanas, num intrincado sistema de algoritmos, daí o título da exposição. Mais 25 obras de sua fase anterior, quando privilegia formas orgânicas e geométricas, também integram a atual mostra. Guido é conhecido em nosso Estado por suas intervenções urbanas com esculturas em Blumenau, Itapema e Florianópolis, e seus inúmeros murais nas fachadas dos edifícios em Balneário Camboriú.

Já a exposição que leva o título de “Gong” vem da cidade de Buenos Aires e segundo sua autora, Patricia Di Loreto, “Gong” significa “O sentido primordial da criatividade, a essência do que se vai ver ou sentir”. Pintora, muralista e cenógrafa, Di Loreto estudou desenho e pintura no Peru e na Espanha, realizou exposições na Argentina, Chile e diversas capitais brasileiras, inclusive Florianópolis, fez cenários para o Teatro Colón em Buenos Aires, e recebeu prêmios internacionais. Joinville recebe 22 obras inéditas na técnica de tintas a óleo, acrílica e fios de ouro, dispersas em dípticos e trípticos de grandes dimensões. 

Visitação: 19 de agosto à 26 de outubro de 2017
Terça à sábado das 10h às 18h30min - Domingo e feriados das 15h às 18h30min
Entradas: R$ 8,00 e R$ 4,00 (meia-entrada).
Entrada gratuita na abertura das exposições, grupos agendados e quem for visitar de bicicleta.

Mais informações: Guido Heuer
facebook.com/artistaguidoheuer/ - www.guidoheuer.com.br - @guidoheuer

Patricia Di Loreto
facebook.com/PatriciaDiloretoPinturas/ - www.patriciadiloreto.com/ - @patriciadiloreto

IIJM - www.institutojuarezmachado.com.br / contato@institutojuarezmachado.com.br
@institutojuarezmachado - Fone (47) 3033-3036 - Rua Lages, 994 - América, Joinville/SC

7° Café Colonial do CDH

Mais uma vez o CDH promove o tradicional Café Colonial. Este é um evento para reunir companheiras e companheiros de luta e pessoas que acreditam na construção de uma sociedade justa e igual para todas as pessoas. O valor do café é 25 reais por pessoa. 

Por que precisamos de amigos?

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

No Casulo da Borboleta...

A primeira flor no canteiro do Casulo... 
Nem é primavera ainda, mas a natureza deu-nos o ar de sua graça!

Vende-se tudo

No mural do colégio da minha filha encontrei um cartaz escrito por uma mãe, avisando que estava vendendo tudo o que ela tinha em casa, pois a família voltaria a morar nos Estados Unidos. O cartaz dava o endereço do bazar e o horário de atendimento. Outra mãe que estava ao meu lado comentou: - Que coisa triste ter que vender tudo que se tem.
- Não é não, respondi, já passei por isso e é uma lição de vida.

Morei uma época no Chile e, na hora de voltar ao Brasil, trouxe comigo apenas umas poucas gravuras, uns livros e uns tapetes. O resto, eu vendi tudo, e por tudo entenda-se: fogão, camas, louça, liquidificador, sala de jantar, aparelho de som, tudo o que compõe uma casa. Como eu não conhecia muita gente na cidade, meu marido anunciou o bazar no seu local de trabalho e esperamos sentados que alguém a parecesse. Sentados no chão. O sofá foi o primeiro que se foi. Às vezes o interfone tocava às 11 da noite, era alguém que tinha ouvido comentar que ali estava se vendendo uma estante. Eu convidava pra subir e em dez minutos negociávamos um belo desconto. Além disso, eu sempre dava um abridor de vinho ou um saleiro de brinde, e lá se iam meus móveis e minhas bugigangas. Um troço maluco: estranhos entravam na minha casa e desfalcavam o meu lar, que a cada dia ficava mais nu. No penúltimo dia, ficamos somente com o colchão no chão, a geladeira e a tevê. No último, só com o colchão, que o zelador comprou e, compreensivo, topou esperar a gente ir embora antes de buscar. Ganhou de brinde os travesseiros.

Guardo esses últimos dias no Chile como o momento da minha vida em que aprendi a irrelevância de quase tudo o que é material. Nunca mais me apeguei a nada que não tivesse valor afetivo. Deixei de lado o zelo excessivo por coisas que foram feitas apenas para se usar, e não para se amar. Hoje me desfaço com facilidade de objetos, enquanto isto, que se torna cada vez mais difícil me afastar de pessoas que são ou foram importantes, não importa o tempo que elas estiveram presentes na minha vida.

Desejo para essa mulher, que está vendendo suas coisas para voltar aos Estados Unidos, a mesma emoção que tive na minha última noite no Chile. Dormimos no mesmo colchão, eu, meu marido e minha filha, que na época tinha dois anos de idade. As roupas já estavam guardadas nas malas. Fazia muito frio. Ao acordarmos, uma vizinha simpática nos ofereceu o café da manhã, já que não tínhamos nem uma xícara em casa. Fomos embora carregando apenas o que havíamos vivido, levando as emoções todas: nenhuma recordação foi vendida ou entregue como brinde. Não pagamos excesso de bagagem e chegamos aqui com outro tipo de leveza: "Só possuímos na vida o que dela pudermos levar ao partir”. 

É melhor refletir e começar a trabalhar o DESAPEGO JÁ! Não são as coisas que possuímos ou compramos que representam riqueza, plenitude e felicidade. São os momentos especiais que não tem preço, as pessoas que estão próximas da gente e que nos amam, a saúde, os amigos que escolhemos, a nossa paz de espírito.
Texto de Martha Medeiros

Em setembro...

...

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Amanhã... ShortCutz


Na edição #14 exibiremos os filmes: 
"O Segredo da Família Urso" - de Cíntia Domit e "Entardecer" - de Muriel Paraboni

FILME CONVIDADO - "O Aquário de Antígona" - de Alceu Bett

* Presença dos diretores Muriel Paraboni e Alceu Bett para um bate papo com o público.

Obs. Entrada franca, sem a necessidade de retirada de ingressos (sujeito à lotação)

1. O evento é GRATUITO e NÃO há necessidade de fazer inscrição ou reservar lugares.
2. Logo após o evento seguiremos a programação da casa com música e serviço.

Programe-se para um evento especial de CINEMA com os amigos, nesta quinta, dia 17 de agosto, às 20h.
Venha curtir a nova sala de cinema e bate papo descontraído em Joinville.


ShortCutz Santa Catarina - Rua Bento Gonçalves, 33 

Mini-curso: Disciplina positiva: técnicas aplicadas

O objetivo desse curso é introduzir a educação sem violência e a disciplina positiva na vida familiar dos participantes, 
apresentando várias técnicas que podem ser aplicadas no cotidiano de qualquer lar.
Inscrições pelo fone (47) 9 9232-0058.

Mulheres negras

Você sabia que Dona Ivone Lara, considerada a Rainha do Samba, 
é uma das primeiras mulheres negras com curso superior e
uma das primeiras assistentes sociais negras do Brasil?

Por todo o país há milhares de histórias de luta e resistência
das mulheres negras contra a violência, discriminação, o preconceito e
exploração, e o Serviço Social também está nesta luta.

I Seminário Regional de Assistência ao Parto

E ponto final.

terça-feira, 15 de agosto de 2017

No Casulo é assim!

Não é de hoje que se fala a importância de brincar, entretanto não é raro voltarem o olhar para o brinquedo. Mas criança não precisa de brinquedo estruturado, não precisa o tempo todo de plástico e várias cores intensas. Criança é investigador natural, é ser cheio de vida que gosta de material natural... Dê liberdade, permita materiais diversos e observe com admiração todas as descobertas e aprendizagens.
A Equipe Casulo se orgulha de fornecer materiais diversificados, propor desafios variados
e acompanhar pequenos tão criativos em seu pleno desenvolvimento.

Em setembro... Cazuza "o poeta"

Gala Bolshoi

Alguém que vale a pena

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Amanhã... Sarau de Letras


Podemos não saber se cada um de nós tem um destino, ou se estamos simplesmente vagando pelo espaço, talvez sejam os dois, mas sabemos que você não pode perder o nosso Sarau! Afinal, não é preciso sabedoria para fazê-lo: apenas ter o coração no lugar! Por isso, marque na sua agenda e não durma no ponto: nesse ano, o Sarau de Letras acontecerá no dia 15 de agosto, às 19h, no Garten Shopping Hall!
Como nossas mães sempre diziam: 
"O VII Sarau de Letras é como uma caixa de chocolates. Você nunca sabe o que vai receber, mas sabe que será doce" 

Coral da Paz - 125 anos

O Instituto Internacional Juarez Machado abre suas portas para a pré-estreia de "Bicicletas"


Bicicletas é um curta metragem biográfico, que apresenta um recorte da vida de Juarez Machado, pintor, escultor, desenhista, caricaturista, ilustrador e cartunista catarinense, considerado um dos mais brilhantes artistas brasileiros. Nascido em 1941 e filho de artistas, começou a desenhar e esculpir ainda quando criança. Em 1966 mudou-se para o RJ, onde viveu por 20 anos. Foi chargista dos principais jornais do país e através de sua típica irreverência e bom humor, logo se projetou no cenário nacional e internacional, recebendo inúmeros prêmios. Em 1973 teve um quadro de humor e arte no programa Fantástico (TV Globo), e em 1978 fixou residência em Paris. Suas obras são conhecidas pelo leve surrealismo, forte presença das figuras femininas, bicicletas e cores vibrantes - que serviram de inspiração para a direção de arte de um dos maiores clássicos contemporâneos do cinema francês: O Fabuloso Destino de Amélie Poulain (2001) do Diretor Jean-Pierre Jeunet. O documentário será narrado de forma livre e irreverente pelo próprio artista e em seu ateliê em Paris onde reside há mais de 30 anos, enquanto esboça uma tela em branco. Durante o processo Juarez Machado falará sobre sua carreira, processo criativo e linguagem. Serão resgatadas fotos antigas da casa de seus pais (Atual Instituto Internacional Juarez Machado), charges e reportagens de TV. Produção: K1 Filmes

Em setembro... "O grande encontro"



O Grande Encontro apresenta novidades em sua atual edição. Se o show original possuía um formato acústico, com versões que recriavam a mística do cancioneiro com intimismo e delicadeza, o novo espetáculo incorpora uma sonoridade elétrica e percussiva. Esbanja energia sem perder a ternura.


No repertório, entre trios, duetos e momentos solos em cena, os clássicos que todo mundo quer ouvir: “Anunciação”, “Banho de Cheiro”, “Dia Branco”, “Tropicana”, “Moça Bonita”, “Caravana”, “Belle de Jour”, “Canção da Despedida”, “Coração Bobo”, “Táxi Lunar”, “Bicho de Sete Cabeças” e tantas mais.

Dentre as surpresas, duas jóias vintage: “Papagaio do Futuro” (apresentada por Alceu, Geraldo e Jackson do Pandeiro no Festival Internacional da Canção de 72) e “Me Dá um Beijo”, parceria de Alceu e Geraldo, do primeiro disco da dupla, recriada com Elba nos vocais. Zé Ramalho marca presença autoral através de “Chão de Giz” e “Frevo Mulher”, na voz de seus companheiros.

Pensando...

domingo, 13 de agosto de 2017

Lançamento EP Sarau


Comemoração dos 5 anos do grupo com o lançamento oficial do primeiro EP do Sarau# Trio,
 financiado com recursos do Edital de Apoio à Cultura de Joinville/SIMDEC.
Pocket show, exibição do making off da gravação e um bom bate papo sobre produção musical e a profissão do músico.
Evento aberto à comunidade com foco nos estudantes e professores de música e artistas de Joinville.
O Sarau# Trio é formado pelos músicos Cláudio Moraes, Marisa Toledo e Rafael Vieira.
Entrada gratuita

7° Café Colonial do CDH

Como orientar pessoas em situação de rua - PMJ

Campanha de Combate ao Glaucoma



Para participar os interessados deverão retirar uma senha a partir das 08h00, até às 17h00. Serão triadas até 1.000 pessoas com idade acima de 35 anos e que não sabem ser portadoras da doença. 


Ressaltamos que não faremos atendimento para pessoas com idade abaixo de 35 anos, crianças e pacientes que já fazem tratamento do glaucoma.



O objetivo da campanha é orientar e conscientizar a população sobre os fatores de risco e medidas preventivas dessa doença que é responsável por 28,6% dos casos de cegueira no mundo. O glaucoma está geralmente relacionado a um aumento da pressão intra-ocular, devido a uma maior resistência na drenagem do fluído no interior do olho. Com o tempo, isso causa dano ao nervo óptico e, se não for devidamente tratado, leva à perda gradual e irreversível da visão. A doença é apontada como a principal causa de cegueira irreversível. Quanto mais precoce for o diagnóstico, maiores são as chances de se evitar a perda da visão.

Amigos

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Lançamento do livro "Noite Grande" na Livraria A Página

Acontece hoje, dia 11 de agosto, o lançamento do primeiro livro de poemas do escritor Luis Gustavo Cardoso. A obra intitulada Noite Grande reúne poemas que enfrentam problemas fundamentais do homem, como vida e morte, natureza e cultura, a presença e a distância dos afetos. O livro procura o estrato mais sincero dessas afeições, admitindo suas inevitáveis contradições. O lançamento está marcado para acontecer entre 17h e 19h na Livraria A Página - Rua Dr. João Colin, 475.

 O autor, Luis Gustavo Cardoso, nasceu em Franca, interior de São Paulo, mas mora em Joinville há três anos. Além de escritor, é também músico e professor universitário da área do Direito. Noite Grande foi produzido em parceria com a Editora Areia com o patrocínio do Mecenato Municipal de Apoio à Cultura, edição 2016.

Workshop Mobilize: Criando ações de impacto social

Estão abertas as inscrições gratuitas para o “Workshop Mobilize: Criando ações de impacto social”, realizado pelo SESC, no dia 25 de agosto em Joinville. Ministrada pelo diretor de Mobilização do Greenpeace Brasil, Renato Guimarães, a atividade propõe uma jornada objetiva de aprendizagem, exercícios e criação coletiva que explora os elementos essenciais de Planejamento Estratégico para mobilização de impacto social. O curso é voltado para empresários, empreendedores sociais ou tradicionais, gestores públicos, gestores de instituições sociais, e pessoas envolvidas e interessadas em ações de engajamento e mobilização para gerar impacto social no seu negócio ou na sua causa.

O workshop acontece no Instituto Pró-Rim (Rua Mário Lobo, 54 - centro), das 08h às 14h30min (com 30 minutos para coffee break). As inscrições podem ser feitas pelo e-mail gicerleis@sesc-sc.com.br e as vagas são limitadas. 

O encontro será voltado para o compartilhamento de conteúdos, casos e exercícios que ajudem os participantes a conhecerem e testarem formas de mobilização para ações que gerem impacto social, estimulando o engajamento de pessoas, empresas e organizações em causas e negócios de impacto. O Workshop será dividido em duas sessões, com carga horária total de 06 horas, nas quais os presentes farão uma jornada objetiva de aprendizagem, exercícios e criação coletiva. Desta forma, terão a oportunidade de conhecer elementos essenciais de Planejamento Estratégico para mobilização, serão estimulados a pensar e agir fora da caixa, a partir da construção de uma visão comum, e poderão desenvolver colaborativamente ideias de mobilização de impacto social a partir do conteúdo do workshop. 

De acordo com a gerente de Assistência do SESC em Santa Catarina, Giseli Mara Schena, ações que geram impacto social podem oferecer produtos e serviços que diminuam ou eliminem barreiras de acesso a bens e serviços essenciais, reduzem condições de vulnerabilidade social e ampliam possibilidades de aumento de renda e desenvolvimento de nossa sociedade. “Esta relacionado diretamente a uma tendência mundial de atuação inovadora, propondo soluções mais efetivas, eficientes, sustentáveis que as já existentes e cujo valor gerado beneficia, prioritariamente, a sociedade como um todo e não apenas alguns indivíduos.” 

Sobre o palestrante: Renato Guimarães, palestrante na área de sustentabilidade, mídias sociais e movimentos sociais. Com mais de 20 anos de trabalho em comunicação estratégica, campanhas e advocacy nas áreas de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Desenvolvimento e Direitos Humanos. É jornalista com mestrado em relações internacionais pela Fletcher School of Law and Diplomacy. Tem pós-graduação em Comunicação Corporativa pela Universidad de Lima, além de ser fellow do Center on Philanthropy and Civil Society da City University of New York. Ajudou a fundar a Together, agência focada no planejamento de estratégias de mobilização. Também foi sócio fundador da consultoria Gestão Origami e participou da fundação da ABRAPS - Associação Brasileira de Profissionais de Sustentabilidade. É co-autor do livro “Sustentabilidade - O Futuro no Presente” e autor do livro “Cooling Up - The Interconnected Public Sphere and the “Science” of Climate Change” e colaborador do BrasilPost, versão brasileira do HuffPost Brasil.

Em outubro... Luka / Casa do Capitão

Palestra com Rafael Henzel


Superação | Foco | Obstinação
História de superação de quem sobreviveu a maior tragédia do esporte mundial. 
Onde teve todo apoio, a solidariedade e o foco para recuperação. 
As atitudes das pessoas em olhar para o outro, salvando vidas, pois não somos uma ilha. 

Classificação livre - Duração aproximadamente 60 minutos

Energia X Decisão

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Pré Conferência de Comunicação em Cultura


Terça, dia 15 de agosto, às 19h, no Teatro Juarez Machado - Entrada gratuita

A cada dois anos, a sociedade civil e o governo municipal, se juntam para pensar sobre o cenário cultural de Joinville. A configuração desses encontros são organizados pelo Conselho Municipal de Política Cultural - CMPC e as discussões são estabelecidas nas pré-conferências que, neste ano serão conduzidas pelas setoriais. Na ocasião, além do principal momento de discutir sobre o setor, estaremos discutindo os eixos definidos para a Conferência:

• Desmonte da cultura: ameaças; • Remonte/casos de sucesso e • Perspectivas positivas.

Uma roda de conversa com o setor, estudantes, profissionais e a comunidade. Assuntos relevantes para o desenvolvimento da comunicação em cultura na cidade estarão em pauta como Simdec, editais de incentivo e principalmente as demandas necessárias do setor e seu desenvolvimento assim como também ocorrerá a eleição dos novos conselheiros titulares e suplentes para a gestão 2018/2020 no CMPC.

O setorial de Comunicação em cultura representado no Conselho Municipal de Política Cultural por Regina Santos convida toda a comunidade para a pré-conferência, no dia 15 de agosto às 19h30min no Teatro Juarez Machado.

Palestra "Sexualidade e Identidade de Gênero"


No dia 14 de agosto, próxima segunda, às 10h25min, acontecerá na Univille (unidade Bom Retiro - Anfiteatro I) a segunda palestra com o tema "Sexualidade e Identidade de Gênero". O evento é promovido pela turma do segundo ano de Psicologia matutino da Univille, sob a orientação do professor Luiz Arthur Rangel Cyrino, na disciplina de Psicofisiologia. Evento aberto à comunidade!


O evento contará com as seguintes palestrantes:
- Bruna Sofía Morsch de Souza, graduada em Psicologia pela Faculdade Guilherme Guimbala e pós-graduanda em Psicologia – Especialização em Psicanálise pela Faculdade Guilherme Guimbala, autora do livro "Van Ella Citron" (com lançamento para 09 de novembro deste ano); 
- Larissa Helena Feldhaus, graduada em Direito pela Univille, advogada, pós graduanda em Ciências Penais e Segurança Pública pela ACE e membro da comissão da Diversidade Sexual e de Gênero da OAB Joinville; e
- Mariana Franco - Ativista dos Direitos Humanos para Transexuais e Travestis e integrante dos movimentos sociais: UNA LGBT de Jaraguá do Sul, UNA LGBT de Santa Catarina, UBM, Fuca, Unegro, Coletivo Transcender, Antra, Comen (Jaraguá do Sul), Compir (Jaraguá do Sul).

Doc.Playback

Dia 12 de agosto no SESC acontece o pré-lançamento de três documentários 
que iniciaram no palco do Teatro Playback e agora viraram filme. 

Entrada gratuita.